Username Password
 
Lembrar dados?
Entrar
Registe-se
Recuperar Password
Publicidade
Membros Online
+ 0 utilizadores ( visitantes e membros)
Publicidade

Conselhos

Decoração: Primeiros Passos
3-7-2001 18:10
Medidas Certas 
Paciência é indispensável nesta fase. Se ainda não encontrou a estante ideal, não preencha uma área vazia na parede com o primeiro móvel que encontrar pela frente. Espere, pondere. Quando comprar, experimente. Sente-se nos estofos e nas cadeiras, deixando que seu corpo faça a avaliação. E, principalmente, meça, ou estará correndo o risco de comprar um sofá que nem sequer passa pela sua porta. Antes de alçar voos mais ousados ­ ou impensados ­, tenha em mente o seu conforto. Se é difícil qualificar o erro numa análise estética, é muito fácil identificá-lo quando o que está em jogo é a funcionalidade. Portas de armário inacessíveis, móveis que dificultam a circulação e cortinas de tecidos fluidos em janelas banhadas por um sol intenso são equívocos que tornam o espaço de viver desagradável. Uma análise custa pouco e é capaz de evitar grandes prejuízos ­ de tempo e de dinheiro. 


Tudo o que os olhos podem ver... 
... E mais alguma coisa. Afinal, referências visuais são importantes. E não estamos falar apenas das exposições de decoração. Visitar galerias, frequentar museus, assistir a exposições são atitudes indispensáveis para quem quiser formar um repertório básico de informações. É como organizar uma base de dados. E leia, leia muito: livros e revistas de arte, moda e decoração, nacionais e importados. Guarde num arquivo tudo o que mais lhe agradar e decore (retenha na memória) todos aqueles ambientes ­ a casa de um amigo, um ateliê ­ que chamaram a sua atenção, transmitiram uma sensação de conforto. Antes de arregaçar as mangas, pare ainda uma vez e rememore alguns conceitos básicos ­ coisas como proporção, equilíbrio, domínio e simetria. Pode estar aí ­ não em móveis e objectos ­ a razão pela qual você se apaixonou por esses lugares. 

As Dimensões Correctas 
Ninguém estudou o conceito de proporção na escola, mas sem ela não há decoração que resista. Se a ideia lhe parece um tanto abstracta, tente imaginar um peru de Natal apoiado sobre um pires. Feitos os devidos descontos, pense agora na sua casa e observe os móveis e objectos de uma maneira diferente: avaliando seus volumes. O arranjo de flores não estaria muito grande para o vaso pequeno? Ou pequeno demais para um vaso tão alto? O sofá de quatro lugares não parece exagerado em uma sala de medidas reduzidas? Móveis como cristaleiras, bufes e mesas para vinte pessoas ficavam perfeitos nas casas de nossos avós, de salas amplas e altas. Agora, tente imaginá-los nos pequenos apartamentos de hoje. Envie, mentalmente, móveis compactos, empilháveis, para a casa de seus avós. Certamente, foi essa a sensação de Alice no país das maravilhas.

Leituras: 1806  
Não existe nenhuma sondagem em curso...
Partilhe connosco alguma situação engraçada, curiosa ou estranha que tenha ocorrido no condomínio.

Porque nem tudo tem que ser aborrecido ou questões legais!
O que fazer com a casa do porteiro quando ele não existe?
Que administrador eleger?
Impacto do Alojamento Local nos condomínios
Alterações na fatura da água
Alteração ao prazo das inspeções às instalações de gás
Instalação de videovigilância já não carece de autorização
Quóruns, para que vos quero?
Conhece o programa para necessidades de alojamento urgente?
Sistemas de deteção de monóxido de carbono. Para sua máxima segurança.
Inspeções ao gás obrigatórias
Administrador à força? É melhor não…
Até que valor podem os condóminos ser multados?
Vai fazer obras? Informe o administrador!
Mais transparência na liberalização do mercado da eletricidade e do gás
O perigo de não cobrar quotas
Pesquisar